Comida Japonesa

A alimentação brasileira sofreu influência de vários povos, como os portugueses, italianos, africanos e os indígenas. No entanto, a influência da culinária japonesa em nossa cultura, processo iniciado em meados de 1908 com a chegada do Vapor Kasato Maru e seus 781 imigrantes, trouxe na bagagem uma cultura rica e hábitos alimentares peculiares que, integrados aos nossos costumes, ajudaram a mudar as feições do cardápio brasileiro.

Uma das grandes dificuldades iniciais da população japonesa foi a adaptação ao novo regime alimentar, já que os alimentos diariamente consumidos pelos orientais não eram tão populares para os brasileiros da época. Os imigrantes, que aos poucos conseguiram se libertar do trabalho braçal nas lavouras do café, passaram a se dedicar à agricultura autônoma – introduziram a soja e a cultura do algodão e arroz —, e à avicultura, além do plantio de verduras e frutas em estufas.

De fato, a cozinha japonesa é especial e cativante, por conta dos seus métodos de preparação dos alimentos, seus sabores diferenciados e sua apresentação. Os pratos japoneses, além de altamente nutritivos e pouco calóricos, são carregados de simbolismo; o alimento é respeitosamente manipulado, preservando sua individualidade, o que representa a delicadeza e a disciplina do povo japonês.

Assim, a influência centenária da culinária japonesa no Brasil, tem promovido um aumento no consumo de legumes e frutas, o que diminui as frituras e carnes, proporcionando a todos uma alimentação mais natural, leve e saudável.

Leia mais clicando aqui.